Pinscher nervoso bomba nas redes sociais

A página Estopinha Capixaba, que traz os momentos engraçados e de estresse de um pinscher no Espírito Santo, surgiu em fevereiro deste ano e já é sucesso. O dono, Ozeias Guimarães, vive com Estopinha e Catatau, ambos de pouco mais de 2 anos, em Cariacica Sede e decidiu publicar vídeos para distrair as pessoas durante a crise de segurança no Estado.

As publicações mostram Estopinha estressado, brigando com o irmão e, também, com cartazes. A ideia surgiu durante a greve dos policiais militares. “Eu vi as pessoas escrevendo notícias negativas sobre o Estado. Então, pensei: Vou postar vídeos do Estopim e Catatau para alegrar as pessoas”, relata.

Ao contrário do que o dono imaginava, a página não fez sucesso apenas entre os amigos. Nos três primeiros dias, alcançou 5 mil curtidas e 200 mil acessos. Após 15 dias, mais 500 mil acessos. “Fiquei surpreso com a quantidade de acessos. Tem gente de São Paulo e da região Sul do país”, diz Ozeias.

Ozeias diz, ainda, que as situações que o cão aparece mais nervoso é quando está com ciúmes de Catatau ou quando o irmão pega algum brinquedo. “Recebi muitas mensagens de pessoas agradecendo pelos momentos de alegria em meio ao caos”, comenta o dono. O cão deixa, também, que coloque fantasias nele. “Só não pode demorar para tirar a foto, senão fica estressado”, diz, aos risos. Atualmente, a página está com mais de 8 mil curtidas.

História

Os animais estão com Ozeias desde pequenos e passaram por dificuldades para sobreviverem. “Essa raça costuma ter apenas dois por gestação. A mãe não os amamentava. Então, minha mãe batia ração com leite em pó e colocava na seringa”, relata. Os cães foram dados por um ex-aluno e havia suspeitas de que não sobreviveriam.

Estopinha e Catatau fazem companhia ao dono em diversas situações e, inclusive, adoram fazer trilhas. Ozeais os ganhou após Foguinho, o antigo cão, morrer atropelado. “Já fomos a Matilde e Morro do Moreno. Sempre me acompanham, mas adoram fazer trilha no colo. Quando viajo, eles ficam com minha mãe, pois não gostam de solidão. Não sei oque seria da minha vida sem eles”, finaliza.

Rico vs Pobre: Youtuber faz teste de honestidade com pessoas e o resultado é chocante

28 Imagens perfeitas e incrivelmente satisfatórias